Artigos

Conquista sagrada e política eclesiástica: os normandos e a Igreja no século XI

Conquista sagrada e política eclesiástica: os normandos e a Igreja no século XI


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Conquista sagrada e política eclesiástica: os normandos e a Igreja no século XI

Por Sean McGee

Janus: The University of Maryland Graduate History Journal (Fevereiro de 2001)

Introdução: A sanção eclesiástica é uma característica comum das conquistas normandas na Sicília e no sul da Itália durante o século XI. Os vários conquistadores normandos procuraram legitimar seu domínio nesta região ganhando o apoio da Igreja. Sua preocupação em adicionar um aspecto sagrado a suas realizações militares e políticas mostra a importância que eles e aqueles que procuravam dominar colocavam na religião como fonte de poder. Um exame da forte relação que os governantes normandos estabeleceram entre eles e as igrejas da Sicília e do sul da Itália ilustra um aspecto-chave da maneira como eles se tornaram uma força tão grande na Europa medieval. O sucesso dos normandos dependia de sua capacidade de aparecer como governantes divinamente nomeados que serviam, protegiam e guiavam a Igreja nos países que ocupavam. Eles obtiveram autoridade da Igreja e também exerceram autoridade sobre ela.

Ao discutir as maneiras pelas quais os governantes medievais usaram a Igreja para fortalecer sua base de poder, é importante pensar sobre os fatores mais amplos que moldaram a relação entre o secular e o sagrado na Europa durante a Idade Média. Na época, esses dois reinos estavam tão misturados que muitas vezes se tornava difícil distinguir um do outro. Príncipes e prelados constantemente debatiam a complexa questão de onde exatamente as fronteiras entre suas esferas de influência deveriam ser traçadas. Muita confusão surgiu sempre que a jurisdição dos governantes leigos parecia se sobrepor ou entrar em conflito com a das autoridades eclesiásticas e vice-versa.


Assista o vídeo: 1066. Nerdologia (Junho 2022).


Comentários:

  1. Nawat

    a excelente e oportuna mensagem.

  2. Tadtasi

    Não leve na cabeça!

  3. Kazilmaran

    Você não está certo. Vamos discutir isso. Escreva em PM, vamos nos comunicar.



Escreve uma mensagem